Tratando o melasma com Hormoskin

10 de maio de 2017

Antes de ficar grávida eu já tinha algumas manchas no rosto, mas com os hormônios da gravidez elas se intensificaram. Mês passado fui na Dra. Angela Fantin (dermato aqui de Floripa) e ela me indicou usar Hormoskin., que é um creme dermatológico, à base de ácido, usado para o tratamento de manchas no rosto e contém: Hidroquinona 4%, Tretinoína 0.05%, fluocinolona acetonida 0,01%. Segundo a bula, ele age clareando as manchas gradativamente, com resultados que aparecem após 4 semanas de tratamento.

Antes de tudo, quero dizer que o intuito do post é somente contar a minha experiência sobre um produto. Ou seja, não dá pra fazer a louca e sair comprando, tem que falar com o seu dermato antes, e se ele achar que o produto é adequado pra você, aí sim, com a receitinha mão e acompanhamento médico você pode começar a usar,  até porque hidroquinona é um perigo e pode causar danos sérios, tá?

Bom, mas agora voltando a minha experiência com o creme, posso dizer que para mim ele super funcionou! Nas primeiras aplicações já deu para comprovar a eficácia. Minhas manchas diminuíram muito! (faz 3 semanas que estou usando). O lado negativo é que a pele descama um pouco, mas acho que quase todos os ácidos fazem isso. Ah outro ponto super importante: protetor solar deve ser usado sempre, mas quando se está usando ácido na pele, a aplicação deve ser mais rigorosa, já que o melasma pode piorar se a pele não estiver protegida (preferencialmente um fator 70).

Pena que eu não tirei uma foto do antes para mostrar aqui para vocês.

Ele é vendido em farmácias e custa em torno de R$ 96,00. Alguém já usou? O que achou?

 

beijos, Fran Gabrielli